Thiago admite falha; Cruzeiro explorou pressão sobre o goleiro

0
108

O goleiro Thiago deixou o campo de jogo desolado após o empate por 1 a 1 com o Cruzeiro na noite desta quinta-feira, no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ), pela partida de ida da grande final da Copa do Brasil. O arqueiro flamenguista falhou no gol de empate do Rubro-Negro, ao dar rebote em um chute defensável do volante Hudson de fora da área. O meia uruguaio De Arrascaeta se aproveitou e empurrou para o fundo da rede.

Thiago só foi titular porque o técnico colombiano Reinaldo Rueda decidiu barrar Alex Muralha, alvo de várias polêmicas durante os últimos dias, incluindo um editorial em tom de deboche do jornal “Extra” do Rio de Janeiro. O jovem goleiro admitiu o erro na saída de campo. “Era um chute de fora da área e eu falhei. Admito a minha falha”, disse Thiago ao Sportv.

O jogador recebeu o apoio dos companheiros, como o zagueiro Réver, um dos líderes do elenco. “Realmente a gente não imaginava que o Thiago ia soltar aquela boila. Mas ele não pode ser considerado culpado, já que nós também deixamos o Hudson chutar de fora da área”, analisou Réver.

Até os jogadores do Cruzeiro admitiram que trabalhavam com uma possível falha do goleiro do Flamengo. “A gente já sabia que a pressão sobre os goleiros do Flamengo seria grande e comentamos durante a semana para explorarmos isso”, reconheceu o meia Thiago Neves.

Resta saber se Thiago será mantido no jogo de volta, dia 27 de setembro, no Mineirão, em Belo Horizonte (MG), ou se Alex Muralha voltará ao posto. Diego Alves, contratado para ser titular, não está inscrito na Copa do Brasil

 

Fonte: Gazeta Esportiva