Jovem é morto a bala na própria residência na zona rural de Iguatu

0
593

O sítio Quixoá dos Lopes, zona rural da cidade de Iguatu, foi palco de um homicídio. O fato foi registrado nesta quarta-feira, 02, por volta das 23h50 nas proximidades da caixa d’água da comunidade.

A vítima Antônio Gerson Bezerra da Silva, popularmente conhecido como “Pretinho”, 22 anos, foi lesionado por três disparos sendo um na barriga, um no peito e outro por trás do pescoço.

A equipe do Corpo de Bombeiros prestou os primeiros socorros até o Sistema de Atendimento Médico (SAMU) chegar, mas a vítima não resistiu aos ferimentos e foi a óbito antes de dar entrada em uma unidade hospitalar do município.

“Pretinho” respondia ao artigo 19 da Lei de Contravenções Penais, que trata-se de porte ilegal de arma branca.

Dois homens de capacete, que arrombaram a porta da residência onde estava a vítima são os princpais suspeitos do crime. A dupla se dirigiu para o quarto onde a vítima dormia e efetuaram os disparos.

Os criminosos conforme apurou a polícia, fugiram em uma motocicleta no sentido do distrito de Barro Alto. O IML e a Polícia Civil foram acionados. A Polícia Militar realizou diligências no intuito de localizar e prender os acusados, mas nenhum suspeito foi preso.

Números

Com a morte de “Pretinho” soma-se o 14º crime de morte na cidade de Iguatu somente nesse ano de 2017. O último fato da natureza ocorreu no dia 29 de julho quando Lusinete Filgueiras de Sá, 49 anos, e Ana Raquel Ferreira da Silva, 33 anos foram mortas a golpes de faca em um bar no bairro Alto do Jucá.

Fonte: MAIS FM